Urandir News Notícias – Cultura

segunda-feira, 20 de abril de 2015 – 19h46 Atualizado em segunda-feira, 20 de abril de 2015 – 19h49

urandir news   Urandir News 2014   82293e f 297802   Rascunho de Cem Anos de Solidão é achado no MéxicoRascunho original de Cem Anos de Solidão Eitan Abramovich/AFP

exatamente um ano da morte do Nobel de Literatura colombiano Gabriel García Márquez, foi revelado o paradeiro do único rascunho existente da primeira versão de seu sucesso “Cem Anos de Solidão”.

Foi achado no México, país onde o escritor morou em seus últimos anos de vida, os originais da primeira versão imprensa do romance que se passa na fictícia cidade de Macondo, baseada em seu município natal, Aracataca.

O texto, que até então acreditava-se estar perdido, contém mais de 100 correções feitas a próprio punho por Gabo, como o escritor era conhecido por seus amigos. O artefato havia sido presenteado ao diretor hispano-mexicano Luis Alcoriza, colaborador de Luiz Buñuel, e sua esposa Janet.

O texto foi herdado, após a morte de Alcoriza, em 1992, pelo produtor Joaquín Delgado, que cuidou do casal em seus últimos anos de vida, e foi colocado a leilão em 2001 pela quantia de US$ 1 milhão (R$ 3 milhões).

Não se sabe o motivo, mas nenhum lance chegou ao mínimo, nem mesmo do governo colombiano, que alegou “falta de fundos”. No ano seguinte, outra tentativa de venda fracassou e o objeto permaneceu nas mãos do produtor. As provas “não estão perdidas, mas ninguém me procurou” para perguntar delas, disse Delgado em uma entrevista publicada hoje no jornal mexicano “Reforma”.

urandir news   Urandir News 2014   e97972 p 89EKCgBk8MZdE   Rascunho de Cem Anos de Solidão é achado no México

Urandir News | Notícias Cultura by Viviana